Você já assistiu algum desfile de moda e viu roupas tão esquisitas que pensou “meu Deus quem usaria isso na rua”? Estamos aqui para responder essa pergunta e já vamos adiantar que não, essas roupas diferentes não são para serem usadas na rua.

As roupas dos desfiles de moda são esquisitas

Na verdade, a resposta é simples e complexa.

Simples porque as roupas esquisitas que vemos nos desfiles são obras de arte, todo estilista é um artista e o tecido é a sua matéria prima, então ele apresenta todo o seu potencial criativo mostrando as peças incríveis que ele consegue fazer com tecido. Semelhantes a um quadro no museu, essas roupas são criadas para serem admiradas e não usadas.

A parte complexa está no processo criativo, o estilista precisa ter muito conhecimento para manipular o tecido da forma desejada, outro ponto interessante é que são feitas muitas pesquisas de materiais, coloração, pedraria e até filosofia. Os desfiles de moda são verdadeiros espetáculos que trazem mensagens e cotam histórias através das roupas.

As roupas dos desfiles de moda são obras de arte

Arte não é um sinônimo de beleza, o significado de arte é muito abstrato e vai depender da mensagem que o estilista queria passar com a sua criação.

Moschino

Observe essas imagens do desfile da grife Moschino onde a grife apresentou peças inspiradas nos movimentos artísticos barroco e rococó.

Desfile de alta costura da estilista Moschino

Desfile de alta costura da estilista Moschino

Desfile de alta costura da estilista Moschino

Desfile de alta costura da estilista Moschino

Iris van Herpen

No instagram da estilista Iris van Herpen, a frase da bio diz “a arte da alta costura”. Observe como a designer consegue fazer camadas de tecidos e recriar um efeito 3D.

Desfile de alta costura da estilista Iris van Herpen

Desfile de alta costura da estilista Iris van Herpen

Desfile de alta costura da estilista Iris van Herpen

Desfile de alta costura da estilista Iris van Herpen

Georges Hobeika

O estilista libanês Georges Hobeika mostrou toda sua habilidade com vestidos plissados e volumosos. Extremamente glamurosos e brilhantes!

desfile de moda do estilista Georges Hobeika
 
desfile de moda do estilista Georges Hobeika

desfile de moda do estilista Georges Hobeika

desfile de moda do estilista Georges Hobeika

Valentino

Não precisamos explicar que o estilista Valentino buscou inspiração nas rosas para criar essas peças, as criações falam por si. Os elementos da natureza estão sempre presentes nos desfiles de moda.

Desfile de moda do estilista Valentino

Desfile de moda do estilista Valentino

Desfile de moda do estilista Valentino

Desfile de moda do estilista Valentino

Jean Paul Gaultier

Essas peças do designer francês Jean Paul Gaultier, remetem a geometria de um triangulo.

Roupa do estilista Jean Paul Gaultier

Roupa do estilista Jean Paul Gaultier

Roupa do estilista Jean Paul Gaultier

Roupa do estilista Jean Paul Gaultier

Thierry Mugler 

Thierry Mugler marcou as passarelas ao mesclar moda e teatralidade em seus desfiles. É um do estilistas mais renomados da indústria da moda e em 1995 apresentou o desfile com a sua coleção outono inverno que ficou marcado até hoje por suas roupas. O desfile primavera verão de 1997 é outra marca na carreira do designer e no modo de fazer alta costura.

Roupa do estilista Thierry Mugler

Roupa do estilista Thierry Mugler

Roupa do estilista Thierry Mugler

Roupa do estilista Thierry Mugler

O processo de criação das roupas que vemos nas passarelas

O processo criativo de um estilista é individual, da mesma forma como os outros artistas a criação vem da mente, da ideia e cada cabeça funciona do seu jeito particular. Entretanto, a execução da ideia de um estilista segue os mesmos caminhos. Vamos conhece-los:

  • Pesquisa

Como vimos acima, o estilista Valentino criou um vestido com formato de rosas e muito provavelmente ele fez uma pesquisa para conhecer mais sobre as rosas. É importante saber em qual estação do ano elas aparecem, em quais regiões elas são mais frequentes, as cores, o formato das pétalas, a textura... muitas ideias surgem no momento da pesquisa.

Pesquisa sobra flores no computador

  • Desenho do croqui

O croqui é uma das formas do estilista mostrar sua ideia para a equipe. Grandes marcas e grifes tem um estilista responsável pela criação e uma grande equipe para confeccionar as roupas. Então, o croqui funciona como a materialização exata de uma ideia.

Imagine que um grupo de costureiras precisem confeccionar um vestido em formato de abacaxi, muito provavelmente cada uma dessas costureiras vão imaginar um vestido diferente. Agora, se tiver um uma imagem desse vestido, no caso um desenho, vai ficar muito mais fácil o processo de confecção.

Desenho de um croqui de moda

  • Escolha dos tecidos e materiais

Usamos o exemplo do vestido de abacaxi, mas em um desfile de moda são criadas muitas roupas diferentes e para cada uma dessas peças o estilista pode escolher uma infinidade de tecidos. Nessa etapa é feita uma curadoria onde o estilista escolhe o tecido certo para dar o caimento que ele imaginou na roupa.

Se houver bordados e detalhes em materiais diferentes é nesse momento que o estilista também irá escolher. As pedrarias, botões, rendas e linhas de bordados.

Uma pilha com vários tecidos e materiais

  • Ficha técnica

Com o desenho criado e os materiais definidos, é necessário fazer uma ficha técnica para organizar tudo. Nessa ficha, deve conter o croqui e todas as especificações para confecção da roupa, como o nome da peça, por exemplo “saia evazê” “manga tulipa” detalhes técnicos que não são representados no desenho, nome dos tecidos e materiais.

Cada peça tem a sua própria ficha técnica, com retalhos dos tecidos que serão utilizados e amostras dos botões e acessórios presentes na peça.

Ficha técnica de um ateliê de moda

  • Modelagem e confecção

O ultimo passo é a construção da roupa, primeiro é feita a modelagem em papel e depois alfineta os moldes no tecido para enfim cortar e costurar.

O bordado também acontece no momento da confecção, por se tratar de peças de alta costura tudo é feito a mão, cada lantejoula, cristal ou botão é tudo colocado manualmente com pinças.

Leia o post que indicamos 5 realities show de moda para conhecer a realidade dos bastidores da indústria fashion.

Estilistas fazendo modelagem e confecção

Conheça o processo de criação de um ateliê de alta costura

Os bastidores da moda é realmente fascinante porque à todo momento tem algo acontecendo. No vídeo a baixo você pode conferir um resuminho do processo criativo da grife Chanel e ver como os profissionais da moda trabalham na criação das roupas que sobem na passarela.

Post a Comment

Queremos te ouvir! Deixe a sua mensagem:

Postagem Anterior Próxima Postagem